Nos dias de hoje temos muitas dúvidas sobre o futuro profissional dos nossos filhos, tal é a instabilidade do mercado de trabalho brasileiro. Vemos números alarmantes de demissões em todas as áreas, desde as funções mais simples até altos cargos executivos de confiança, e ficamos nos perguntando:

– Haverá oportunidades para estes jovens que estão entrando no mercado agora?

– Que tipo de profissão meu filho de 16, 17, 18, 20 anos pode seguir diante de tanta instabilidade?

– Como eu, pai ou mãe, posso ajudá-lo nessa importante escolha para o seu futuro?

Estas perguntas são comuns para qualquer pai ou mãe de um jovem que está em busca de sua primeira oportunidade no mercado de trabalho, e neste artigo nós queremos ajudar você a esclarecer estas dúvidas e escolher, com segurança, um caminho profissional de sucesso para o seu filho.

Por que a área de TI?

 

computadores

A inteligência artificial e a automação dos processos é uma tendência cada vez maior na indústria, na mídia, no comércio, e em tudo que nos rodeia.

Carros autônomos já são testados nos EUA e, inclusive, caminhões sem motoristas. Sistemas estão sendo testados para escreverem sozinhos artigos para jornais, roteiros de filmes e até mesmo músicas. Já existem robôs que pintam unhas, cortam cabelos, cortam e costuram roupas, limpam o chão, todos em testes, mas praticamente aprovados para chegarem ao mercado.

E para cada uma destas novidades facilitadoras de sua vida, milhões de linhas de código são escritas!

Você, pai ou mãe, provavelmente presenciou a chegada da TV nos lares, e foi uma grande revolução, principalmente quando iniciaram as transmissões a cores. Seus pais acharam que a grande revolução era o rádio, lembra disso?!

As mudanças tecnológicas entre a sua geração e a dos seus pais foram lentas se comparadas com a revolução que vivemos hoje.

Seu filho já nasceu com a tecnologia dentro de casa, provavelmente nem experimentou a época da internet discada, na qual a maioria das famílias esperava até meia noite para poder conectar de graça ☺

Hoje vivemos uma revolução digital a cada dia. E, por trás de toda essa revolução, está a programação!

Entender como esta revolução funciona e o que é possível fazer com ela, vai ser a chave para a inovação e a criatividade no futuro. E por isso é que podemos afirmar, com toda a autoridade de quem tem estudado muito sobre o assunto, que a profissão de programador é uma das que não sofrerá com a instabilidade do mercado de trabalho.

Sabe por que afirmamos isso com propriedade?

 

Hoje, enquanto o Brasil tem 14 milhões de pessoas desempregadas, industrias fechando suas portas e grandes gestores perdendo seus empregos, vemos um mercado de TI aquecido. Somente em Blumenau e região são mais de 200 vagas abertas para programadores e outros profissionais da área de TI.

São muitas oportunidades que estão esperando por profissionais que estejam preparados para fazer parte desta revolução digital.

 

 

Com quantos anos meu filho pode começar a estudar programação?

 

Não existe uma idade certa para aprender a programar, o importante é ter um raciocínio lógico, gostar de matemática, e ter boa concentração.  E isso pode, e deve, ser ensinado desde criança.

Aliás, já existem projetos para inserir na grade curricular das escolas a disciplina de lógica de programação, tamanha a importância de todos conhecerem o assunto.

Se o seu filho ainda está cursando o Ensino Médio ou se já terminou a faculdade, mas não consegue uma oportunidade no mercado de trabalho, não faz diferença. Se ele se interessa por tecnologia e tem habilidades lógicas, tornar-se um programador de softwares pode ser uma excelente opção para ele.

Neste caso recomendamos que ele inicie aprendendo tudo sobre Lógica de Programação. Com uma boa base lógica ele conseguirá desenvolver softwares em qualquer linguagem de programação.

 

Quais são os primeiros cursos a fazer?

 

Como falamos acima, o primeiro passo para quem deseja se tornar um programador de softwares é aprender tudo sobre lógica de programação.

Aqui na Apex nós temos um curso que vai ensinar ao seu filho como dar os primeiros passos para ter um raciocínio lógico bem construído. Ele vai entender o que é lógica de programação e vai poder treinar com um programa de fácil compreensão, que é o VisuAlg.

Depois de aprender sobre lógica, ele precisa aprender a usar um banco de dados, para armazenar seus códigos. E nesta etapa entra o curso de Banco de Dados SQL – Structured Query Language, uma linguagem padrão universal para manipular bancos de dados relacionais.

Depois disso, chegou a hora de escolher com qual linguagem ele irá começar a programar. No decorrer de sua vida profissional ele poderá aprender duas, três, quantas linguagens desejar. Mas, neste primeiro momento, é importante selecionar uma linguagem e se aprofundar nela, para praticar bastante e garantir um conhecimento sólido para entrar no mercado de TI logo após terminar o curso.

Neste momento é importante ficar ligado em quais são as linguagens mais utilizadas na sua cidade. Neste artigo nós falamos um pouquinho sobre a linguagens mais utilizadas em Blumenau e região.

Aqui na Apex a formação Programador Junior abrange quatro cursos: Lógica de Programação, Banco de Dados SQL e os cursos para aprender a linguagem que são 2 módulos: Java + Java Web ou então C# + ASP.NET MVC. A escolha da linguagem vai depender da preferência do seu filho e a carga horária total destes 4 módulos é de 112 horas.

 

Com que idade ele já pode ter um emprego de programador?

 

Assim como não há idade para aprender a programar, também não há idade para iniciar na Carreira de Programador.

Após garantir uma formação de qualidade seu filho já estará pronto para entrar no mercado como programador júnior, ganhando um salário que pode variar entre R$ 1.500,00 até R$ 2.000,00 por mês, dependendo a empresa.

Porém, para ser contratado, é preciso que ele leve a sério o estudo, e garanta um aprendizado efetivo da linguagem de programação que escolheu.

As empresas estão sedentas por profissionais de TI com conhecimento, e seu filho irá se destacar se tiver uma formação adequada. Se ele souber se concentrar, for paciente e persistente, souber trabalhar em grupo  e for disciplinado, irá se destacar ainda mais e logo que terminar sua formação já poderá estar empregado.

 

Como fazer para incentivar meu filho a estudar programação?

 

O mais importante é ter certeza de que ele curte tecnologia e consegue ter um bom raciocínio lógico. Se ele não se sentir motivado com softwares e não for do tipo que gosta de saber como as coisas funcionam, não adianta forçar a barra.

Agora, se ele e encaixa nesse perfil, será muito fácil mostrar para ele que a Carreira de Programador pode ser uma boa escolha para ele.

Sugerimos que você converse com ele, mostre as oportunidades de trabalho, as vantagens de desvantagens de seguir nessa carreira, e seja franco com ele para entender se a programação é algo que desperta o interesse dele.

Incentive-o a assistir vídeo aulas online, para ter uma primeira impressão de como funciona a criação de códigos. Aqui na Apex nós temos uma vídeo aula super simples, que ensina a criar o primeiro algoritmo. Ele pode se cadastrar AQUI e ver se consegue entender a lógica e também se gosta do que está aprendendo.

 

Que outras áreas de conhecimento são importantes para que meu filho se prepare para ser um bom programador?

 

Além de ter um bom raciocínio lógico, é muito importante eu seu filho goste de aprender, pois a área de TI muda todos os dias e é preciso estar sempre estudando e buscando novos conhecimentos para se tornar um bom programador.

Curiosidade é um diferencial do bom programador, portanto é importante que seu filho seja uma pessoa curiosa. Por que isso é assim? De onde veio isso? Estas são perguntas que fazem parte da rotina de um profissional de programação.

Saber inglês é um diferencial para um bom programador! Todo conhecimento escrito em português nesta área é bastante restrito, e se estudar apenas os conteúdos disponíveis em português o programador terá apenas uma fina camada de todo o conhecimento disponível. Você pode até começar a programar sem saber falar inglês, mas para se tornar um programador de sucesso vai precisar estudar os conteúdos disponíveis em inglês!

 

Resumindo:

 

A área de TI pode ser uma ótima oportunidade de carreira profissional para o seu filho, afinal, o mundo está cada vez mais automatizado e as oportunidades para quem é programador são muitas.

Ou seja, se o seu filho escolher seguir nesta profissão, terá boas chances de conseguir não apenas um emprego, mas uma excelente oportunidade de carreira sólida e bem remunerada.

E a melhor notícia para você que é pai e está preocupado com o futuro profissional do seu filho é que existe uma maneira de encaminhar seu filho para esta área.

Quer saber como?

1 – Adquirindo o conhecimento EXATO para exercer a função de programador dentro de uma empresa.

2 – Sendo treinado e orientado por especialistas e profissionais da área de TI.

3 – Aprendendo a criar códigos limpos e bem estruturados.

Isso mesmo! Com essas 3 habilidades você está 100% aprovado pelo mercado de TI e pode entrar e avançar com segurança nessa incrível carreira!

E aqui na Apex nós temos uma Formação completa de 112 horas que vai preparar o seu filho para entrar com o pé direito nesta promissora carreira.

Conheça a nossa Formação programador Junior clicando AQUI.